Skip to main content


“A gente patrocina o time de futebol de salão da cidade”, dizia-me o vendedor da loja de calçados. Imaginei que se tratava de uma confusão e não de uma provocação da consciência de classe ou de um espírito revoltado (...) 👇

aHR0cHM6Ly9wYnMudHdpbWcuY29tL21lZGlhL0UwZUNhWDBYMEFBUHA0My5wbmc=.png
Então perguntei: “Você é dono daqui?” Ele respondeu: “Não, é o meu patrão. Ele patrocina e aparece o nome da nossa loja na camisa dos jogadores.”
@passapalavra Também demorei anos para passar de "a nossa/minha empresa" para "a empresa onde trabalho".